fbpx
Ler outros textos

Apropriação Comunal, Pública e Privada

1 Comment

  • Angelica Keller
    23 de março de 2018

    Venho flertando à distancia com vocês a tempos. Me encanta muito a ideia de uma filosofia nômade. Como faço, sendo uma pessoa comum, para me tornar um filosofo ou um pensador nômade, ou um agente transformador apenas através do meu mero existir?

    Parabéns pelo trabalho e um grande abraço, Fuganti.

Deixe uma resposta para Angelica Keller Cancelar resposta

© Escola Nômade de Filosofia